A piloto da Raposeira, no Super Enduro de sexta feira, fez uma boa prestação e conseguiu ficar a meio da tabela.

Rita Vieira, marcou presença na mítica prova, a Xl Lagares, considerada uma das provas mais duras do mundo, desta vez pontuável para o campeonato do mundo de Hard Enduro, a WESS (World Enduro Super Series).

Rita Vieira foi a única mulher presente no meio de 260 homens provenientes de todo o mundo.

A piloto da Raposeira, no Super Enduro de sexta feira, fez uma boa prestação e conseguiu ficar a meio da tabela.

No sábado, foi o dia do mítico prólogo no centro da cidade, na Ribeira do Porto. Rita Vieira foi a primeira a partir e fez  o 36º lugar da sua classe, num traçado curto mas exigente e técnico que acabara por passar em cima do rio numa plataforma flutuante.

Domingo foi o dia da corrida principal, com um percurso de mais ou menos 30km de ribeiros com muita agua e também muita pedra. Rita, pela primeira vez, aos comandos de uma Yamaha WR250F conseguiu concluir a prova dentro do tempo estabelecido, foram 4h32min de puro hard enduro onde a piloto conseguiu um fantástico 37º lugar.

A piloto da Raposeira comenta:

"Estou muito feliz, sem duvida que o final foi super emocionante, cheguei ao  fim ao mesmo tempo que o meu irmão, e eu tive que o ajudar para terminar e ele a mim, foi muito especial sem duvida, fiquei muito contente por mim, porque pela primeira vez consegui acabar e por ele que esteve ao mais alto nível no meio dos melhores do mundo. Foi uma boa prova, tive algumas quedas mas graças às milhares de pessoas que me foram apoiando durante todo o percurso consegui ganhar força para chegar ao até ao fim. Mais um objectivo cumprido.

Obrigada a toda a gente que me apoiou, foi fantástico sentir a energia positiva de todo o publico presente,  à Raposeira, à Yamaha, à BRC, a todos os patrocinadores por todo o apoio e aos meus incansáveis e fantásticos pais e irmão."

@ 28-5-2018 16:37:22

Galeria de fotos


Mais